ASSINCRONIA DE FASE 2

IMG_20210720_155015.jpg

   A assincronia de fase 2 que nada mais é a assincronia do tempo inspiratório, ou seja, quando o paciente está recebendo o fluxo de ar pré-programado, independente de qual modalidade ventilatória ele esteja. 

   Esse tipo de assincronia poderá estar presente nos pacientes que não apresentem nível de sedação adequada e necessitem de um fluxo aéreo maior que o ofertado.

IMG_20210720_155031.jpg
IMG_20210720_155107.jpg

   Como podemos notar na imagem ao lado, um gráfico da modalidade VCV onde o paciente recebe um fluxo ineficiente para sua demanda e vemos uma concavidade na curva pressão -tempo que bate com a contração diafragmática monitorizada pela curva da pressão esofágica. Assim este paciente está recebendo um fluxo menor que o necessário e o chamamos de Undershoot ou fome de fluxo. Para corrigirmos está assincronia basta aumentarmos a oferta de fluxo. Como ele está na modalidade VCV só aumentarmos o fluxo inspiratório do paciente.

Este outro gráfico demonstra a mesma assincronia de fluxo, onde ofertamos 40 l/m, porém notamos a depressão na curva pressão-tempo onde demonstra uma necessidade maior de fluxo para a demanda do paciente. Poderemos resolver o problema aumentando a quantidade fluxo ofertada e assim atender a demanda necessária do paciente.

Quais os motivos que podem levar ao Undershoot:

- Sedação inadequada;

- Fluxo menor que a demanda;

- Rise-time muito lento em pacientes que necessitam de um pico de fluxo maior

IMG_20210720_155338.jpg

   Outra assincronia de fluxo que podemos encontrar é o Overshoot que nada mais é a oferta rápida de fluxo ao paciente. Neste casos encontramos uma espicula nas setas que demonstram uma má regulação no Rise Time que é o tempo de rampa ofertado ao paciente. Neste caso o Rise Time está muito rápido, assim ofertando uma quantidade muito grande do ciclo inspiratório no pico de fluxo gerando um fechamento da rápido da válvula com seguida abertura novamente, onde observamos essa queda na pressão e formação da espicula nas curvas. O overshoot é uma assincronia que deverá ser corrigida para não iniciar uma cascata com possível assincronia de ciclagem ou até de disparo. Para corrigirmos está alteração basta regularmos o Rise Time para entregar um pico de fluxo menor até desaparecer a alteração nas curvas do ventilador mecânico.

Fernando A. Batista